Objetivo é acelerar soluções de entraves para o alcance dos resultados da Empresa

 

Brasília (03/05/2017) – Uma mudança na pauta das reuniões semanais da Diretoria da Emater surtiu o efeito pretendido, na manhã desta terça-feira, 2. Ao decidir chamar gerentes dos escritórios da Empresa para participar, relatando as dificuldades enfrentadas por eles para o grupo que compõe as reuniões (o presidente, diretor executivo e coordenadores de áreas), Fabiano Carvalho (Taquara) e Rodrigo Alves (Brazlândia), trouxeram suas demandas e, ao final, aprovaram a nova proposta.

A ideia de trazer os gerentes para as reuniões foi compartilhada com os coordenadores e com o diretor executivo pelo presidente Argileu Martins como um mecanismo para acelerar a solução de entraves para o alcance dos resultados da Empresa.

Fabiano Carvalho aprovou a iniciativa ouvir os principais problemas que os escritórios têm no campo. "Estamos falando diretamente com quem toma as decisões dentro da Casa. Então, a minha expectativa e da minha equipe é que os problemas que trouxemos para colocar na mesa terão solução em curto prazo. Minha demanda foi a rede de Internet, que não atende as necessidades do escritório e as questões relativas à Chácara 39".

Para o gerente de Brazlândia, Rodrigo Alves, a experiência foi interessante porque há um encaminhamento imediato. "Algumas questões ficam dispersas nas reuniões de gerentes e não são encaminhadas na prática. Aqui, percebo que estamos mais próximos da direção e a gente pode tomar decisões conjuntas. É possível que os resultados cheguem mais rapidamente. O nosso problema de segurança e o formato de apoio às organizações, demandas que vão ser solucionadas não apenas para Brazlândia, mas para todos os escritórios que estão com as mesmas dificuldades".

Aprovada a nova forma de dialogar com os gerentes, Argileu Martins, encerrou a reunião afirmando aprovando as decisões tomadas. "Não tenho dúvida que estamos caminhando para ter soluções mais rápidas e inteligentes para os problemas que temos. Uma equipe experiente aponta caminhos mais simples e eficazes, além da agilidade que hoje a empresa tem imprimido em suas ações".

 

Christina Abelha

Ascom/Emater-DF